Monday, April 14, 2008

No elevador

No elevador, hoje, depois da aula, éramos eu e umas oito colegas, e eu estava perto da porta. Chegamos ao térreo, e fiquei na dúvida, com um pé adiantado. Mas deixei passar todas elas. Quando a última passou por mim, ela falou, rindo: "É muita mulher para ser cavalheiro!". Gostei da frase. Lhe disse que gostei da frase e que ia usá-la. Mas não, acho que não vou saber. Já interiorizei esse tipo de gestos. Nem sei se elas gostam ou não.

5 comments:

srtaParker said...

Gostam sim...

Roger said...

Ainda bem!

uri said...

a vegades una sola dona justifica igualment la frase... jejeje. No sé pas per què dic això, no tinc cap dona concreta al cap, però mola

Uri

Roger said...

En aquest cas seria "é pouca mulher para ser cavalheiro", no?

Anonymous said...

a veure uri, si no entens eels comentaris, millor no escriguis per escriure...el roger t'estimarà igual (poc)