Friday, April 18, 2008

Que você fez com a minha fantasia de gorila?

(E mais um exercício curto, feito em sala de aula a partir de uma pergunta surreal do professor.) (Amigos da Bahia: podem fazer correções!) (E para quem não é brasileiro: "comer" tem significado duplo. E "fantasia" significa "disfraz".)

Que você fez com a minha fantasia de gorila?

A queimei, seu sem-vergonha. Seu desgraçado, seu imbecil. Ou pensa o que? Cê acha que eu sou boba? Cê acha que a gente não vê? Puta, Gil! Eu sou motivo de piada em todo o bairro! O povo sabe disso em toda Salvador! Gorila, Gil! Não tinha outra? Olha que tem um pessoal esquisito, lá no Pelô! Caras de latão! Mascarados de todo tipo! Gringos que não precisam de fantasia, que parecem de Plutão! E ninguém repara neles, meu! Mas onde você viu, gorila peludo beijando neguinha? Gorila na Praça Teresa Batista! Puta que o pariu! Que lugar pouco concorrido! Pegando menina feito um animal! Orangotango pulando na Quincas! O bicho foi visto no beco do Quebra-Bundão! Eu até ia sabendo o roteiro! Que só não saiu no jornal! Olha, vou lhe dizer: eu só a corna, a maior corna, mas pena eu tenho das doidinhas que cê pegou. Mulher inteligente o senhor não pega não. Só esta aqui sua senhora. A dona da casa do grande mandril. Até que devia ficar bonito. Deviam é tê-lo capturado. Largado numa jaula. Viu, vou comprar-lhe de novo a fantasia. Crianças vão ver gorila comendo gorila no zôo.

3 comments:

Anonymous said...

tú segueix escrivint en portuguès...que jo seguiré no llegint. Em penso que ets l'únic que escriu en portugués. No ho fan ni ells. Només per això, ja et mereixes la beca, que d'altra banda, ara entenc perquè te la van donar. Us vau presentar dos, no? i quan el cec va veure que s'havia equivocat d'aula...

Roger said...

Quanta rancúnia contra qui intenta escriure en la llengua de Camões...

Uri said...

El Camoes era central o davanter centre?