Monday, July 26, 2010

Em São Paulo

Coincidindo com a passagem da Anninha por São Paulo, transcrevo uma mini entrevista publicada hoje no Estadão com o DJ norte-americano Larry Tee, fã da cidade. (Eu, eu Roger, quero cada vez mais conhecer São Paulo...)


Natural de Seattle, o DJ Larry Tee esteve no Brasil pela primeira vez há 15 anos. São Paulo foi uma das primeiras cidades onde tocou fora de casa. Hospedou-se na Bela Vista e ficou impressionado com o centro da cidade. "Percebi que era um lugar que eu naturalmente gostaria de visitar, não só a trabalho". Por isso, tratou de fazer amigos e volta à metrópole sempre que sai em turnê internacional.

Point. "O Brasil está pegando fogo lá fora. É o lugar da moda, todo mundo quer vir para cá", diz Larry. O lado ruim? "Tudo ficou mais caro também. O câmbio já não é mais tão favorável assim!"

Compras. Mesmo reclamando dos preços, o DJ vai passar a semana fazendo compras. "Adoro as lojas dessa cidade. Sempre que uso minhas camisetas compradas aqui, perguntam de onde é e eu esnobo: 'Ah, comprei em São Paulo!'. Todos ficam com cara de 'Oooh!'", diverte-se.

Paulistanos. "Paulistanos, nova-iorquinos e londrinos são parecidos. Têm um ponto de vista diferente." E, para Larry, os paulistanos "estão sempre um passo à frente do resto do mundo". "Tudo que meus amigos americanos descobrem, os paulistanos sabem há um ano!"

4 comments:

Anna Faedrich said...

Muito bom, Roger!
Vou mostrar pros meus primos paulistas! ;)
Meu tio (irmão da minha mamy) foi assim, desde que veio pra SP, diz que daqui não sai nunca mais! ;) E todos meus primos nasceram aqui... são 4... :)
Agora vou poder revê-los, depois de tanto tempo! 4 anos, exatamente.
Beijão!!

Roger said...

Tá, mas tu volta, né? Para a pequena Porto Alegre? :))

Anna Faedrich said...

Se eu não voltar, tu vem me buscar?
;p

Roger said...

Voando! :)