Tuesday, October 06, 2009

Apatia

"Dear Dr. Love,
[...]
I never liked the way your name feels like a bad joke to all those people who are struggling with their marriages. Maybe you should change it to Dr. Apathy, which they (the 1960s shrink set) said was the opposite of love - instead of hate - and I absolutely agree with this. In fact, I think if they ever remake The Night of the Hunter, which is one of my favorite movies (or was, until Jerry got religious), they might rethink the tattoos that the preacher has on his hands. Lord, Robert Mitchum was scary there using his hands to show the fight between love and hate, and him a cold-blooded killer hiding behind Scripture. But imagine a preacher (or a marriage counselor) with hands saying LOVE and APATHY. You love all those little games; you can put your hands behind your back and say, Pick."

(From the short story "PS", by Jill McCorkle.)

7 comments:

Anonymous said...

Entre o amor e a apatia... Fico com o amor!

Apatia é coisa de gente doente, que precisa dar mais valor às pequenas coisas da vida. Muitos apáticos nem sabem disso e, por isso, continuam apáticos.

Um abraço do Anônimo educado ;-)

Roger said...

Mas quem é esse anônimo educado???? :)

E quem é que não fica ou ficaria com o amor? :)

Gente doente... sei lá. Sociedade doente, também. Uma mistura de coisas, imagino.

Um abraço.

Anonymous said...

Certo. Quem não ficaria? ;-)

Sou um anônimo mesmo. Você não me conhece, não. Eu achei seu blog por acaso e gostei de algumas coisas que li.
Sou mineiro, de Ouro Preto.
Não assino meu nome porque não vai fazer diferença (penso eu)e tbm porque adoro ser o Anônimo Educado em alguns blogs (não assino assim só nesse blog).

A sociedade, o mundo, as pessoas. Doentes, certo? Mas quem provocou essa doença toda? As pessoas, diria eu. As pessoas é quem são os doentes e contaminadores diretos do mundo. O mundo anda doente por que tá cheio de gente doente.

Mas acho que existem ainda pessoas saudáveis capaz de contaminar outras pessoas com um vírus do bem, da paz, da força, da alegria...


Um abraço do Anônimo educado e mineiro.

Anna Faedrich said...

Concordo com o mineiro!! Assim como o mal, o BEM também contamina!!!! :) :)

Esse vírus precisa se espalhar! Tô de saco cheio de gente doente... e como tem!

Quanto ao post do Ru:

muito bom, meu santo Lúcio Lúcido Lúcio já tinha me dito isso. E, nas vezes que meu amor terminou, nunca foi pelo ódio... ainda bem! :)

Ah, ele disse mais: quando sentimos ódio, ainda nutrimos algo pela pessoa, por isso não pode ser o oposto de amor. E, nutrindo algo pela pessoa, não nos desligamos dela, and so on.

Mas, uma vez que essa pessoa já não lhe causa "transtorno emocional" algum... acho que tudo fica mais fácil de se levar...

Eu diria: entre o ódio e a apatia, eu fico com a apatia.

Mas o amor vence sempre.

Love always wins :)

Roger said...

Oi, anônimo mineiro de Ouro Preto! E obrigado por gostar de algumas coisas do blog! :)

"O mundo anda doente por que tá cheio de gente doente." Sim, acho que é isso. Gostaria de pensar que essas outras pessoas (eu tenho a grande sorte de conhecer bastantes :) poderiam virar o jogo, mas... não sei. Enfim, elas conseguem passar essa alegria e essa paz às pessoas ao seu redor, o que não é pouco.


Ai Anna! Um dia vou te roubar o Lúcio! :)) Tu não ia conseguir ficar com a apatia, hehe. Tu é o oposto da apatia! Está sempre "sentindo", o que é maravilhoso...

Anonymous said...

Oi, Roger! Por nada, cara. Teu blog tem muitas coisas legais!

Ô, guria! Que isso de ficar com a apatia? Visitei teu blog e não vi nada de apático nele. Pelo menos fiquei aliviado quando vc escreveu que o amor sempre vence. Sim!

A lástima é que tem muita gente que não consegue se entregar de verdade ao amor, deixando-o para trás e priorizando umas "quinquilharias da vida".

Um abraço pra vocês!

É... do Anônimo educado e mineiro (de novo).

Anna Faedrich said...

Oooooba!

Também quero os comentários de um anônimo mineiro e educado no meu blog! ;)

rsrs

Adorei o "Ô, guria", isso é coisa de gaúcho!!! :p

Abração pra vcs!

p.s.: Ruuuuuuuuuu, hoje foi dia de Lúciooooo!!! Pode ficar com ciúmes, que ele é todinho meeeeeu!!!! rsrsrs