Thursday, July 31, 2008

Show do Caetano Veloso

Ontem assisti com meus pais ao show do Caetano Veloso nos Jardins de Cap Roig, Costa Brava, Catalunha. Aos poucos de começar o show, ele cantou uma música do Ary Barroso, e logo disse: "Esta canción... no es mía". Então cantou outras do mesmo grande compositor. Foi cantando, na verdade, só o início delas, para o público reconhecê-las. Falou sobre Ary Barroso, de como ele não era da Bahia, era de Minas, mas estava "enamorado de Bahia". Caetano disse: "Él no era de Bahia. Yo soy de Bahia". E então se ouviu uma voz berrar: "Eu também, Caetaaaaano!". Rsrsrsrs. Era eu. ... Não, brincadeira. Era, sei lá, uma linda maluca baiana sentada em algum lugar entre o público. E ele sorriu e disse, eu gosto de você também... Não, isso é Legião. Ele riu no palco e disse: "Ella y yo somos bahianos". :) Mas é verdade que eu me senti um pouco baiano também. Tenho direito, né? =) Sobre Ary Barroso, Caetano adicionou, fingindo imodéstia: "Estaba enamorado de Bahia... Y nosotros... ¿qué podemos hacer?". :) O show foi ótimo. Só não gostei do sotaque francês do Caetano. Parecia um francês falando em espanhol. Nada contra o francês (bem, um pouco, sim :p). O problema é que era como estar ouvindo meu ex chefe francês na editora. :o) Tsc, tsc. A continuação, meus vídeos. (Estava proibido gravar qualquer coisa, rsrsrsrs.) E algumas curiosidades dos jardins onde foi o show.


Meu pai se alimentando antes do show.


Eu apresentando o cenário.


Funny cactus.


Trecho de "Menino do Rio".


Vista desde os Jardins de Cap Roig.


Trecho de "Odeio".


More funny cactuses.



Trecho de "Tonada de luna llena", canção venezuelana.

10 comments:

PF said...

Roger, deve ter sido demais este show. Caetano é incrível mesmo! Abração!

Roger said...

Foi demais sim!

Logo estou aí de novo!
Abração!

優次 (Yuji) said...

Mola les fotos...

I veig que has gaudit del concert ^^

L'altre dia, al concert a la Corunya va dir "A nossa língua é o galego-português" ;)

Roger said...

Hola Yuji!

El Caetano és com tu, parla moltes llengües! ;) Va cantar dues cançons en castellà, una en francès, un fado en portuguès de Portugal,... i com saps també canta en anglès, i si s'hi posés també cantaria en català. Minha pátria é minha língua, e eu não tenho pátria, tenho mátria e tenho frátria... :)

Una abraçada!

Maria Fabriani said...

Hehehe, adorei a pequena resenha. Nunca fui ao um show do caetano (do Gil sim, mas não do Caetano) mas sei que ele fala muito... E as músicas, foram legais? Um dos discos que eu mais gosto é um do Caetano cantado em espanhol, Fina Estampa, conhece? E, sim, você tem todo o direito de se sentir baiano. Às vezes eu me sinto baiana também. :)

Maria Fabriani said...

Ah, esqueci: seu pai é bonitão, hein?

Roger said...

Achou meu pai bonitão? Hehe! Falei para ele -destacando esse "ão"-, e ele ficou bem faceiro! Diz que quer te conhecer! :p

Não conheço esse CD, vou procurá-lo. Em espanhol cantou, além dessa que eu gravei, "Cucurrucucú Paloma", que ele canta no filme Fale com ela, e em francês "La Mer", de Charles Trennet. Cantou duas músicas inéditas, do novo CD que vai gravar (em junho ele fez cinco shows no Rio só com as músicas novas, uma espécie de ensaios antes da gravação). Cantou "Terra", e cantou "Você é linda", que eu não conhecia e adorei:
"Você é linda e sabe viver
Você me faz feliz
Esta canção é só pra dizer
E diz
Você é linda
Mais que demais
Você é linda sim
..."
Beijos!

PS: Bom ouvir uma carioca que se sente baiana também! :)

Maritrini said...

Pues ya veo que la besheza de Josep cruza fronteras... Queria queria decir a vos dos cosas:
1)te empresto el CD de caetano
2)acordás de los cactus del desierto de atacama? Sho creo que no... Por eso te cuento que un tipo muy especial y funny shamavase "Cardón", Sr. Cardús. Acreditá!!

Roger said...

Lo tenés? Damelóóó!!!!

Pues claro que me acuerdo! Esos cactus eran super enormes. Y el paisaje era increíble, mucho más que el de los Jardins de Cap Roig.

Besos!!!

Anonymous said...

http://gongfu.com.ua - Visit us or die!